Vivemos tempos de empreendedores frustrados e fracassados

0
294

Observo na nova geração uma procura insana à irrealidade dos contos de fadas, onde os esforços na busca pelo sucesso são mínimos e os resultados, além de rápidos, são os melhores possíveis. Muitos jovens que ingressam no mundo corporativo possuem essa mentalidade e acreditam que o empreender lhes trará sucesso em poucos meses, assim como os ídolos que veem na televisão, leem nas páginas das revistas ou assistem em palestras.

Isso não quer dizer que histórias de pessoas que subitamente tiveram sucesso não sejam interessantes e inspiradoras. Porém, não se deve tentar ter o mesmo êxito que esses “super-heróis”. A chance estatística de se replicar esses casos são as mesmas de ganhar na loteria e não se deve focar nem nisso e nem em ter uma ideia genial que lhe torne milionário da noite para o dia.

 

 

A geração do imediatismo e das expectativas irreais consome em excesso histórias de sucesso repentino e ignora as histórias de empreendedores que trabalharam duro por 10 anos ou mais até atingir o triunfo.

É comprovado, estatisticamente, que fazer com que o seu negócio sobreviva aos primeiros cinco anos faz parte da realidade para uma minoria dos empreendedores, sendo mais específico, para apenas 37,8%, segundo dados do (IBGE). Assim, embora não haja dados concretos, fica claro que para além de sobreviver, os números destinados àqueles que atingem o auge são muito menores.

Dessa forma, é fundamental estar consciente de que para alcançar o sucesso é difícil e demorado. O planejamento precisa ser feito a longo prazo. Deve-se entrar no negócio com uma reserva financeira, pois os primeiros dois anos provavelmente você não terá lucro. É importante investir em marketing, já que por melhor que seja o produto ou serviço, nada se vendo sozinho. Uma boa equipe de trabalho e um bom networking também fazem toda a diferença. E, por fim, é preciso muita motivação e persistência para conseguir manter o foco por um longo prazo até atingir os objetivos.

 

-Ricardo Karpat é Diretor da Gábor RH, administrador de empresas com 18 anos de experiência em Administração de Condomínios e Recursos Humanos.

Leia mais artigos aqui!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here