Sem razão e com carrão, construtor furta betoneira de obra de condomínio

0
70
Caminhonete contratada para retirar betoneira de obra de condomínio — Foto: Polícia Civil/Divulgação
Caminhonete contratada para retirar betoneira de obra de condomínio — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Um construtor, de 31 anos, foi indiciado após planejar o furto de uma betoneira de um condomínio, ainda em construção, no município de Três Lagoas, na região leste de Mato Grosso do Sul.

O delegado Messias Pires, titular do 1° Distrito Policial, disse que o suspeito contratou outra pessoa em uma caminhonete, alegando que o equipamento era alugado e iria retirá-lo do local.

“As pessoas acham que ninguém vai furtar a betoneira, por ser um equipamento pesado, mas, estão acontecendo muitos casos. Neste, em específico, tinham câmeras de segurança e nós identificamos o suspeito após análise das imagens. O receptador também foi indiciado pelo crime“, afirmou o delegado.

Segundo Messias, a apreensão da betoneira ocorreu 24 horas após o crime, nessa quarta-feira (28), no bairro Bela Vista.

“Nós fizemos buscas achamos a caminhonete usada no transporte da betoneira, que estava na construção em andamento. Já o carro estava parado nas proximidades e o motorista, de 25 anos, confessou que tinha sido contratado para realizar um frete até o loteamento“, explicou.

Em seguida, os policiais foram até o local e encontraram a betoneira, que estava trancada em um container verde. O suspeito, ainda conforme a polícia, já tinha feito a negociação e vendido o equipamento por pouco mais de R$ 1 mil.

Container onde estava escondido o equipamento furtado — Foto: Polícia Civil/Divulgação
Container onde estava escondido o equipamento furtado — Foto: Polícia Civil/Divulgação
“Por último, nós identificamos o comprador, que responderá por receptação. Ele alegou que não sabia. No entanto, o valor deste equipamento é muito maior. O construtor foi indiciado por furto e responde ao crime em liberdade. O crime foi cometido em plena luz do dia, então, fica o alerta para quem atua em obras e deve monitorar melhor os equipamentos”, finalizou.
Fonte: G1

LEIA TAMBÉM

 

INSCREVA-SE NA TV SÍNDICO LEGAL CLICANDO AQUI!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here