Prevenção de incêndio

0
495
Foto: L. Davi Matos

Bombeiro fala sobre importância do AVCB e responsabilidade do síndico

Em diversos estados se pede um AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros), ou documento similar. Essa vistoria prova que o condomínio está em dia com diversas obrigações de segurança. Em Mato Grosso chama-se apenas alvará do bombeiro.

O Portal Síndico Legal fez uma entrevista com o Tenente Almeida do Corpo de Bombeiro de Mato Grosso, pra explicar a importância do alvará e das responsabilidades do síndico.

Conforme o bombeiro, os quatro requisitos mínimos de segurança são: saída de emergência, extintores, iluminação de emergência e sinalização de emergência. É importante para saber onde está cada equipamento assim como para saber a rota de fuga.

Conforme o tenente, os equipamentos citados auxiliam na hora de uma emergência. “Os extintores ajudam na hora do combate inicial de um incêndio, a sinalização serve para auxiliar no caso de retirada das pessoas do local com segurança. A iluminação de emergência para quando cair a energia do local e esteja escuro”. Explica ele.

 

 

O procedimento para o requerimento do alvará deve ser feito pelo sindico ou alguém designado pelo mesmo através de procuração. “A solicitação tem que ser feito ou pelo responsável técnico da edificação ou pelo próprio sindico. Os moradores não podem faze essa solicitação, então, se tem um alvará vencido em um condomínio e queira fazer a solicitação, teria que ser por meio de denuncia”. Ressalta.

Ente os exemplos de irregularidades, ele cita a existência de lixeiras perto de escadas. “Essas lixeiras, às vezes, acaba atrapalhando a rota de saída de emergência, no caso, para descer as escadas”. Ele cita outro caso que ele cita é sobre os hidrantes sem a mangueira e isso pode prejudicar na hora de um combate à incêndios.

Apesar de representar um grande investimento, é de extrema importância que os síndicos tenham a consciência da importância de se ter o AVCB em dia. Outro ponto é que o síndico pode responder civil e criminalmente, caso aconteça uma morte ou algo mais trágico.

Geiseane Lemes – Redação Síndico Legal


Leia mais Notícias aqui!

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here