Prepare o seu condomínio para enfrentar essa segunda onda da Covid-19

0
112
O portal Síndico Legal preparou um conteúdo exclusivo e especial
O portal Síndico Legal preparou um conteúdo exclusivo e especial

Como estamos vendo, a segunda onda da Covid-19 tem afetado todo o país com força, tendo maior número de infectados, recordes em óbitos, e hospitais sem leitos, com filas de espera para as Unidades de Terapia Intensiva (UTI’s). Mesmo após um ano de pandemia, os brasileiros ainda estão sofrendo com a doença, até mais do que no ano passado. E nos condomínios fica a dúvida, o que fazer? Como proceder? Já que não existe nenhuma lei para auxiliar juridicamente os gestores dos condomínios, que ficaram à deriva diante de tanto caos.

Como os condomínios acabam tendo um papel muito importante no combate ao novo coronavírus, já que muitas pessoas trabalham ou residem em condomínios, o portal Síndico Legal preparou um conteúdo exclusivo e especial, para que os síndicos possam preparar o condomínio para superar essa segunda onda da Covid-19. Confira se todos os itens abaixo estão sendo feitos e se sim, se estão sendo feitos corretamente.

 

 

Assembleia virtual

Com o aumento dos casos da Covid-19, as Assembleias virtuais se tornaram novamente necessárias, isto para aqueles condomínios que estavam retornando com suas Assembleias presenciais, e tiveram que parar. A forma mais segura atualmente é Assembleia virtual, sem aglomeração e sem risco de contágio.

Mas atenção, existem alguns detalhes que precisam ser verificados, veja:

– Confira se a Convenção do condomínio permite a modalidade;

– Confira se a Assembleia virtual é acessível para todos os condôminos;

– Se os condôminos preferirem o modelo híbrido de Assembleia, converse com a administradora e faça um planejamento;

– Crie a pauta completa da Assembleia, para que ela seja direta aos assuntos que precisam ser tratados;

– Se os condôminos possuem dificuldades com a tecnologia, você pode ensiná-los, ou simplesmente enviar tutoriais para que eles aprendam pelo menos o básico.

 

 

Áreas de lazer

Cada condomínio vive uma realidade, em regiões diferentes, e é baseando-se nisso que os gestores e condôminos precisam verificar os riscos e se adaptar conforme a situação local referente a pandemia. Lembrando que é preciso tentar conciliar a prevenção do vírus com as necessidades dos moradores.

Para isso, é preciso seguir alguns requisitos, veja:

– Se existir alguma lei ou algum decreto na região é preciso cumprir e exigir o cumprimento também por parte dos condôminos;

– Crie protocolos, espalhe-os pelas áreas de lazer. Coloque informativos com as regras que ajudarão no combate da Covid-19;

– Se for o caso, promova o rodízio nas áreas de lazer, limite o número de pessoas, e principalmente, faça com que os ambientes sejam limpos com mais frequência;

– Caso seja necessário, o gestor do condomínio deve fechar as áreas comuns que apresentarem maiores riscos à saúde e segurança dos condôminos;

 

Áreas comuns

Halls de entrada, corredores, elevadores, escadas, garagens, são locais com grande circulação de moradores, funcionários e até visitantes, e por isso precisam de uma atenção especial, é preciso se atentar com alguns cuidados extras, veja:

– Instale dispensers com álcool em gel em alguns pontos espalhados no ambiente;

– Se possível compre e espalhe tapetes sanitizantes nos principais pontos de acessos;

– Espalhe informativos nas paredes falando sobre o uso obrigatório da máscara e sobre o distanciamento social;

– Se o condomínio tiver muita circulação de pessoas, faça marcações no chão, mostrando o distanciamento que deve ser seguido, nos pontos onde costuma ter maior aglomeração.

 

 

Limpeza

Existe hoje a preocupação quanto a nova variante que surgiu em Manaus-AM, e que segundo as informações, ela é mais perigosa, mais agressiva, e mais fácil de se propagar e contaminar, portanto os cuidados com a limpeza dos condomínios nessa nova onda precisam ser muito maiores. É preciso criar novos protocolos de limpeza, veja:

– Faça um planejamento com um roteiro e período de limpeza nos ambientes do condomínio;

– Intensifique a limpeza em elevadores, portas, maçanetas, interruptores, interfones, corrimão;

Todos não veem a hora dessa pandemia acabar. Um ano se passou e pelo visto nada mudou. Mesmo com o surgimento das vacinas, até que todas as pessoas não sejam vacinadas, é preciso continuar os cuidados, evitar aglomeração e fazer sempre a higienização correta, para que essa segunda onda seja superada sem maiores perdas e sofrimento!

Redação Síndico Legal – Toheá Ranzeti

 

LEIA TAMBÉM

INSCREVA-SE NA TV SÍNDICO LEGAL CLICANDO AQUI!

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here