Polícia Civil do ES investiga ação de quadrilha especializada em furtar condomínios de luxo

0
743
A facilidade com que o criminoso entrou no prédio chamou a atenção dos moradores
A facilidade com que o criminoso entrou no prédio chamou a atenção dos moradores

A Polícia Civil investiga a ação de uma organização criminosa especializada em praticar furtos em condomínios de luxo no Espírito Santo e em outros estados brasileiros.

O alerta da Delegacia de Segurança Patrimonial foi feito nas redes sociais após um criminoso ter invadido um apartamento na Enseada do Suá, em Vitória, no início da tarde da última quinta-feira (11). Uma mulher grávida, de 34 anos, e a mãe dela, foram amarradas e ameaçadas pelo suspeito. Com a chave de fenda usada para arrombar a porta, o assaltante ainda feriu a mulher grávida.

A facilidade com que o criminoso entrou no prédio chamou a atenção dos moradores. Mas, de acordo com o chefe da delegacia Patrimonial, delegado Gabriel Monteiro, esse é justamente o modo por meio do qual os membros da organização agem: sempre bem vestidos, eles tentam se passar por amigos ou pelos próprios moradores para entrar nos apartamentos.

Ainda de acordo com a polícia, a organização criminosa tem origem fora do Espírito Santo. Os suspeitos normalmente agem em dupla e dificilmente estão armados. Isso porque o objetivo deles é entrar em apartamentos vazios, furtar objetos e sair sem serem notados. A suspeita da polícia é que no caso do condomínio da Enseada do Suá o criminoso não imaginava que havia alguém no apartamento.

A Polícia Civil do Espírito Santo disse que vem trocando informações com as polícias de outros estados sobre esse tipo de crime. Segundo o delegado, pelo menos três suspeitos que estão agindo no estado já foram identificados.

Trata-se de um mesmo indivíduo que cometeu um crime há cerca de 15 dias. Já temos a qualificação e vamos representar pela prisão preventiva desses indivíduos”, garantiu Gabriel Monteiro.

O delegado ainda deu orientações para que crimes como esses sejam evitados. “Os moradores e pessoas que trabalham nos prédios não devem deixar pessoas estranhas entrarem. Mesmo que falem que são vizinhos, que são amigos, entre primeiro em contato com o morador”, disse.

Fonte: G1

 

LEIA TAMBÉM

INSCREVA-SE NA TV SÍNDICO LEGAL CLICANDO AQUI!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here