Outro problema de saúde que a pandemia do coronavírus tem causado

0
120
outro problema causado pela pandemia
outro problema causado pela pandemia

De acordo com uma pesquisa americana, a crise da Covid-19 ajudou no aumento da cardiomiopatia de Takotsubo, que provoca sintomas muito parecidos com o infarto. Isso prova que a pandemia do novo corona vírus tem causado mais transtornos na saúde do que se pensa.

Os sintomas da cardiomiopatia de Takotsubo são bem parecidos com uma doença famosa no Brasil: o infarto. Só que essa doença também já ficou conhecida como a síndrome do coração partido, e é desencadeado quando uma pessoa passa por um pico de estresse muito agudo.

 

 

E a tensão e preocupação que envolve a pandemia da Covid-19, o medo de contrair a doença, de algo pior acontecer consigo mesmo ou com amigos e familiares, e até a ansiedade devido os impedimentos e o isolamento social que o corona vírus impôs, também se encaixam nas causas da doença.

Uma pesquisa recém feita pela Cleveland Clinic, um conceituado centro médico acadêmico dos Estados Unidos, que se baseou nas informações de 258 pacientes dessa instituição, e analisando os dados, o número de casos da síndrome do coração partido aumentou de 1,7% para 7,8%.

 

 

Segundo especialistas, o organismo passa a produzir mais adrenalina em situações de tensão intensa, assim, acaba alterando o funcionamento do coração. Com o dano momentâneo no ventrículo esquerdo, o bombeamento de sangue para o resto do corpo fica comprometido e o órgão sofre com o acúmulo de fluidos.

Os sinais se parecem com os de um ataque cardíaco. E os sintomas também se parecem, como: dor no peito, falta de ar, arritmia. Mas a boa notícia é que os sintomas são temporários e quase não deixam sequelas.

Vale ressaltar que no caso das mulheres, a menopausa pode aumentar o risco de as mulheres serem surpreendidas pela pela doença.

 

 

Mesmo que não exista uma explicação científica, a justificativa apontada é a de que, com a queda da produção de hormônios femininos, estrogênio, a camada interna dos vasos sanguíneos fique menos protegida.

O tratamento da síndrome do coração partido pode ser feito com medicamentos que buscam normalizar o funcionamento do coração e assim o colocam no ritmo certo.

Redação Síndico Legal: Tohea Ranzeti

 

Leia mais Variedades aqui!

 

LEIA TAMBÉM

 

INSCREVA-SE NA TV SÍNDICO LEGAL CLICANDO AQUI!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here