Mulher é condenada por tentar matar síndico de seu prédio

0
73
Mulher é condenada por tentar matar síndico de seu prédio

Nessa terça-feira, 5/11, o Tribunal do Júri de Brasília, em cumprimento à programação do Mês Nacional do Júri, condenou Joscelma Fernandes da Silva a 8 anos de reclusão, por tentar matar o síndico de seu prédio com um golpe de faca, após discussão entre eles.

A ré foi condenada por tentativa de homicídio qualificado por motivo fútil (artigo 121, §2º, II, c/c art. 14, II, todos do Código Penal).

De acordo com a acusação do Ministério Público, o caso ocorreu no dia 9/12/2018, por volta das 3h30, em via pública do Varjão, em razão de discussões banais decorrentes de relação de vizinhança.

 

 

Segundo os autos, o síndico do prédio em que ambos residiam, recebeu, de outros moradores, pedidos para que tomasse providências contra a ré, porquanto esta teria o costume de utilizar o som alto na madrugada, além de usar entorpecentes em seu apartamento.

No dia dos fatos, o síndico estava com sua companheira na porta do edifício, quando passaram a receber reclamações de outros moradores sobre condutas da acusada, momento em que a vítima foi ao apartamento da ré para informar das reclamações, tendo esta lhe xingado.

 

 

Após descer ao pilotis do prédio, a ré teria descido com uma faca e desferido um golpe nas costas da vítima.

A ré irá cumprir a pena inicialmente em regime fechado.

 

 

Mês Nacional do Júri

Realizado, anualmente, em novembro, o Mês Nacional do Júri foi instituído pelo CNJ em 2014, como Semana Nacional do Júri e, dada a sua relevância, teve aprovada sua ampliação, dois anos depois, permitindo a realização de um esforço concentrado por mais tempo, com a consequente elevação do número de julgamentos.

Durante a edição de 2019, os tribunais de Justiça das 27 unidades da Federação darão prioridade à análise de processos com réus presos; casos que envolvam violência contra mulheres e menores de idade; crimes cometidos por policiais no exercício das atividades ou não; e crimes cometidos nos arredores de bares e casas noturnas.

De 4 a 29 de novembro, as circunscrições do DF participantes da iniciativa esperam julgar em torno de 80 processos.

Processo: 2018.01.1.036936-2

 

Fonte: TJDFT

 

Leia mais notícias aqui!

LEIA TAMBÉM

INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE CLIQUE AQUI!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here