MP embarga construção de Village em Lauro; moradores de condomínio dizem que obras continuam

0
74

O Ministério Público do Estado (MP-BA) decidiu, na última quarta-feira (30), por embargar a construção de um village em Lauro de Freitas, que vinha sendo alvo de disputa por moradores de um condomínio vizinho. O village em questão é o Boulevard Parque Residencial, que estava sendo construído ao lado do Condomínio Beira Rio.

As discordâncias começaram porque moradores do Beira Rio afirmaram que o village estaria invadindo o espaço do condomínio. No entanto, a Justiça de Lauro de Freitas acabou por considerar irregular o próprio condomínio, construído em 1974. Segundo a decisão, o Beira Rio seria um loteamento em área pública, portanto, livre para ser acessada por todos.

Já a recente decisão do MP considera que não há precisão, até o presente momento, se o empreendimento Boulevard Parque estaria avançando em área pública ou privada. Por isso, optou pelo embargo.

Até a manhã desta sexta-feira (1), porém, o síndico do condomínio Beira Rio, Vinícius Majdalani, afirmou que as obras continuam a todo vapor. “A gente está mobilizando para denunciar”, disse.

Majdalani torce para que, dessa vez, a decisão seja cumprida. O síndico conta que, anteriormente, a obra já havia sido embargada pela Secretaria do Meio Ambiente, Saneamento e Recursos Hídrios (Semarh). “A própria secretaria informou que eles [o village] retiravam o adesivo de embargado”, relata Majdalani.

Fonte: METRO1

 

 

LEIA TAMBÉM

FAÇA PARTE DOS NOSSOS GRUPOS 

👉 GRUPOS WHATSAPP👈

👉GRUPO TELEGRAM👈

👉INSCREVA-SE NO YOUTUBE👈

Artigo anteriorMais uma Seccional da OAB sai em defesa dos advogados condominialistas contra as empresas que oferecem serviços ilegais de advogados
Próximo artigoQUE TIPO DE COBRANÇA GERA DANO MORAL AOS DEVEDORES!?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here