Implantando coleta seletiva nos condomínios

0
40
O condomínio estará ajudando milhares de família que vivem da separação dos lixos
O condomínio estará ajudando milhares de famílias que vivem da separação dos lixos

Para quem não sabe ainda, a implantação da coleta seletiva é uma ótima solução para dar destinação aos resíduos sólidos que o condomínio gera. Se analisar, em um condomínio é gerado muito lixo, por conta da quantidade de pessoas, sendo assim, é interessante pensar em uma solução ambientalmente correta para destinar o lixo e ainda ajudar o meio ambiente.

Porém, não é simples implantar a coleta seletiva no condomínio, é preciso planejar e se organizar, tendo em vista que pode alterar a rotina do empreendimento, e talvez seja necessário até readequar algumas áreas comuns.

 

 

O síndico pode começar a implantação da coleta seletiva fazendo informativos, ensinando, e incentivando os condôminos a fazerem a separação dos resíduos em casa. E para ajudar nessa tarefa, o gestor do condomínio pode buscar o auxílio de alguma empresa especializada em coleta de lixo, que além de dar as informações, poderá ensinar corretamente como pode ser feita a separação dos lixos, além de também fazer a coleta dos resíduos no condomínio.

 

Colaboração

É claro que o condomínio pode enfrentar algumas resistências por parte de alguns moradores, já que nem todos têm a mesma consciência, podem dificultar o processo da coleta seletiva.

 

 

Ainda não existe uma lei que obriga as pessoas a fazer a coleta seletiva, deste modo, é recomendado que antes do síndico implementar a coleta seletiva, que ele proponha a ideia em Assembleia para que todos os condôminos exponham suas opiniões e decidam juntos.

Após aprovado em Assembleia, os condôminos precisam cumprir, mesmo aqueles que foram contra a implantação da coleta seletiva. Caso este morador desrespeitar as regras definidas para o descarte do lixo, poderá ser multado, de acordo com o Regimento.

 

 

Algumas prefeituras possuem órgãos específicos que fazem esse trabalho, mas no caso de alguma cidade não ter e quiser implantar no condomínio, busque uma empresa de reciclagem, que a mesma dará o auxílio desejado, sem contar que, contratando uma empresa especializada, como cooperativas de reciclagem, o condomínio estará ajudando milhares de família que vivem da separação dos lixos.

O meio ambiente ficará agradecido, e o que para algumas pessoas é considerado lixo, para outras é dinheiro, uma renda!

Redação Síndico Legal – Toheá Ranzeti

 

LEIA TAMBÉM

INSCREVA-SE NA TV SÍNDICO LEGAL CLICANDO AQUI!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here