Férias escolares: saiba como evitar acidentes indesejáveis nos condomínios

0
85
Férias escolares

Nos condomínios, normalmente, as piscinas são a grande atração de lazer. Elas são ótimas por grandes motivos, como se refrescar, brincar, nadar, e principalmente relaxar após um dia estressante no serviço ou na escola.

Só que esse espaço precisa de cuidados específicos, não só de uma boa manutenção e uma boa limpeza, mas principalmente com relação a segurança dos que a utilizam.

É comum ouvir falar sobre casos de afogamento, dos mais frequente ao mais inesperado, e como esses acidentes aumentam, principalmente nessa época, as férias escolares. E são as falhas na segurança da piscina que colaboram para que esse acidente aconteça. Nunca se deve pensar que essas situações não acontecerão com alguém próximo, pois se descuidar, pode sim acontecer, infelizmente.

O portal Síndico Legal criou uma lista de dicas para ajudar na segurança das piscinas, e assim evitar riscos e acidentes indesejáveis.

Regimento Interno e Convenção do Condomínio Regimento Interno e Convenção do Condomínio

No Regimento Interno do condomínio devem estar previstas todas as regras que defendem uma boa convivência e a segurança. No próprio Regimento deve haver situações imprevistas e como proceder para resolver e aumentar a segurança nas piscinas dos condomínios.

Horário de funcionamento Horário de funcionamento

Com dia-a-dia tão corrido, é normal que os condôminos querem aproveitar as áreas de lazer do condomínio, mas muitas vezes esse ‘aproveitar’ podem acabar colocando a sua própria segurança em risco.

Alguns locais no condomínio possuem horário de funcionamento, e a piscina costuma ser um desses lugares. O horário geralmente serve para evitar problemas com a segurança do morador, como falta de iluminação, manutenção da piscina, falta de funcionários próximos, e esse horário de funcionamento deve e precisa ser respeito.

Crianças sem acompanhamento saiba como evitar acidentes indesejáveis nos condomínios

O cuidado na piscina deve ser extremamente mais rigoroso quando houver crianças por perto. E nunca deve ser permitido que elas fiquem próximas as piscinas sem o acompanhamento de um adulto.

Caso uma criança seja vista sozinha rondando a área da piscina, procure o síndico imediatamente para que ele identifique e localize os pais.

Primeiros socorrosPrimeiros socorros

É sempre bom verificar se o condomínio possui uma caixa de primeiros-socorros. Porque se caso algum acidente acontecer, tendo esse material, poderá ser mais fácil prestar um atendimento emergencial.

Se houver a caixa de primeiros-socorros, todos os moradores e funcionários devem saber aonde estão localizadas, para que seja bem acessível.

Se não houver, é recomendado solicitar o síndico para que ele providencia o quanto antes, principalmente em plenas férias escolares.

Cuidado ao mergulhar Cuidado ao mergulhar

Não se deve correr em volta de piscina, pois o piso pode geralmente fica molhado, e pode ocasionar em quedas e acidentes graves.

Também não se deve mergulhar de cabeça em piscinas, pois apesar da transparência da água, pode haver uma falsa impressão de profundidade.

Chuvas e temporais Chuvas e temporais

Raios e tempestades não combinam com piscina, e é muito arriscado, essa junção pode levar a morte. Evite nadar durante essas situações, porque as piscinas facilitam muito a propagação dos raios por toda a água.

Tohea Ranzetti – Síndicolegal

 

 

LEIA TAMBÉM

FAÇA PARTE DOS NOSSOS GRUPOS 

👉 GRUPOS WHATSAPP👈

👉GRUPO TELEGRAM👈

👉INSCREVA-SE NO YOUTUBE

Artigo anteriorCondomínio irregular é demolido em área ambiental na Zona Oeste
Próximo artigoDicas de como comprar um apartamento em um bairro seguro gastando menos

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

5 × dois =