Como fazer a coleta seletiva nos Condomínio?

0
263
lixo para a coleta seletiva
lixo para a coleta seletiva

Uma infeliz situação que vivemos na atualidade é a questão da grande produção de lixo e falta de espaço para descartá-lo. A maioria das pessoas sequer pensa nisso, não faz ideia de para onde vai o lixo que produz em casa.

Apesar de ser algo bem grande e que envolve vários fatores de proporção global, é possível contribuir e cooperar com a construção de uma sociedade mais consciente e organizada com relação ao meio ambiente e sua manutenção.

 

 

A coleta seletiva é uma forma muito eficiente de fazer a gestão de resíduos sólidos de maneira consciente. Ela é dividida em duas etapas:

Separação do lixo na fonte

Esta seleção pode ser classificada em: resíduos secos, resíduos úmidos, e outros resíduos (rejeitos). Essa etapa exige conscientização e participação direta dos moradores e trabalhadores do condomínio.

 

 

Coleta

A coleta é o recolhimento especial, quando se recolhe o material pré-selecionado e dá a ele a destinação correta e adequada (reutilização, reciclagem, recompostagem ou aterro sanitário). Esse serviço exige um processo de triagem e destinação adequada, deve se ter a garantia de que isso está sendo feito.

 

 

Uma forma de ter essa garantia é fazendo parcerias com a prefeitura de sua cidade, se ela tiver, ou com a iniciativa privada, cooperativas de catadores, catadores individuais.

Há muito o que ser feito e poucos fazendo, é nesse momento que o síndico, os moradores, os trabalhadores e mesmo prestadores de serviço podem inovar e fazer a diferença!

Fonte: Gestão de Condomínio – Mario Tabosa e Mayra Tabosa

 

LEIA TAMBÉM

 

INSCREVA-SE NA TV SÍNDICO LEGAL CLICANDO AQUI!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here