As fraudes oferecem riscos aos condomínios

1
346

Saiba como evitar as fraudes nas finanças dos condomínios

No momento em que o país se encontra, é bom evitar qualquer risco desnecessário. Segundo as pesquisas, os momentos mais fáceis de perceber que o condomínio pode estar sofrendo uma fraude são quando existe a ausência de transparência nas informações ou falta de relatórios que expliquem os gastos por parte das prestadoras de serviços. Para impedir que problemas assim aconteçam, algumas medidas precisam ser tomadas, e para começar, é interessante que o síndico faça uma fiscalização concreta. É muito importante possuir um método de controle interno no momento da contratação e também no momento do monitoramento da execução dos serviços contratados. São nessas horas que o trabalho da auditoria começa a fazer sentido, apontando os detalhes da contabilidade e principalmente das administradoras que tiverem prejudicando os condomínios.

Para evitar as fraudes, o síndico em conjunto com o conselho fiscal, precisa aumentar a atenção em relação às contas e pagamentos, já que são responsáveis pelas finanças do condomínio. Se algo acontecer com as finanças do condomínio, o síndico pode ser responsabilizado criminalmente e civilmente por erros na gestão condominial, porque simplesmente as empresas como administradoras de condomínios atuam por determinação do síndico. É bom que exista um contrato onde deve definir quais são as responsabilidades, porque assim evita grandes transtornos, e assim preserva o síndico. Recomenda-se que o condomínio disponibilize ferramentas on-line para que os moradores e condôminos possam consultar relatórios financeiros, e conferir os gastos mensais do condomínio, assim mais pessoas ajudam a fiscalizar e evitar danos maiores.

O contrato dos serviços devem conter cláusulas bem específicas, como prazos bem definidos, consequências dos atrasos e multas por algum descumprimento do contrato, e que possibilitem a rescisão do contrato em caso de alguma inadimplência, e exigir a prestação e apresentação das notas fiscais e as comprovações de pagamentos dos encargos previdenciários e trabalhistas. Sempre é recomendado que os pagamentos sejam feitos de uma única forma, de preferência por transferências, para que os comprovantes sejam anexados e garantindo a segurança financeira do condomínio.

 

 

O portal Síndico Legal acredita que é muito importante para a saúde financeira do condomínio os cuidados frequentes com fraudes nas finanças, e listou algumas dicas para ajudar a evitar esse problema dentro do condomínio.

– É interessante fazer visitas às empresas contratadas, conferir se as informações passadas são realmente verdadeiras;

– Prestar atenção nos valores que estão muito abaixo do mercado;

– Procurar referências, consultar outros clientes para conferir se a empresa é eficiente e cumpre com os combinados;

– Exija as negativas de débitos e regularidades trabalhistas, e outros órgãos municipais;

– Verificar a empresa contratada, e seus representantes também;

– Especificar com detalhes a data, o serviço, o prazo para cumprimento do serviço e o valor da multa rescisória;

– Deve constar no contrato todos os trabalhos e serviços prestados, com o máximo de detalhes, e também os cuidados e segurança dos profissionais que irão executar os serviços;

Toheá Ranzeti – Redação Síndico Legal

 

Leia mais notícias aqui!

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here